Pages

Ads 468x60px

quarta-feira, 3 de agosto de 2011

A Lei Justa

Mateus 7:12 Portanto, tudo o que vós quereis que os homens vos façam, fazei-lho também vós, porque esta é a lei e os profetas.
Teologicamente conhecida como “a regra de ouro”, esse precioso ensinamento do Mestre precisa caminhar conosco no nosso cotidiano.
Precisamos lidar com as pessoas tendo em mente que os mesmos sentimentos e reações tão conhecidos em nós mesmos, quando somos alvo de atitudes alheias são os mesmos gerados nas pessoas com as quais agimos e lidamos em nossa tragetória de vida.
A mesma dor que sentimos quando somos traídos e feridos, é a mesma que os outros sentem quando os traímos e ferimos.
A mesma alegria que sentimos quando somos bem recepcionados, bem aceitos, quando somos valorizados, é também a que os outros sentem quando lhes fazemos estas coisas.

Colocar-se no lugar do outro, sabendo que se algo dói em nós, dói nos outros também.
É fácil falar e fazer coisas que jamais faríamos diante dos outros, mas precisamos analisar se o que estamos fazendo é exatamente o que desejamos que seja feito conosco.

Se praticássemos a regra de ouro em todas as nossas atitudes, gestos e palavras, certamente que não haveria traições, maldições, maledicências, fofocas e murmurações, porque entenderíamos que a misericórdia com a qual lidamos com nossos próprios erros é a mesma de que todos ao nosso redor precisam, juízo pra eles, juízo pra nós, misericórdia pra nós, pra eles também!
Façamos uma análise sincera e tratemos a todos ao seu redor como desejamos ser tratados.
Essa é a lei!
Missionária Rita

0 comentários:

Postar um comentário